+55 (21) 3183-7395 / WhatsApp +55 (21) 99926-0236 / +55 (11) 99982-9998

Implantação de Prótese Peniana

Solução para a disfunção erétil grave
i

As próteses penianas são dispositivos colocados dentro do pênis de homens impotentes (disfunção sexual erétil) possibilitando que eles consigam ter ereções.  Estes implantes são geralmente recomendados quando outros tratamentos menos invasivos não funcionaram. Existem dois tipos de implantes penianos: Os semirrígidos e os infláveis. Cada um funciona de forma diferente do outro e possuem prós e contras.
A colocação de uma prótese peniana é realizada através de uma cirurgia . Antes de escolher sua prótese peniana tenha certeza que você entendeu a cirurgia necessária, incluindo riscos, complicações e cuidados depois da cirurgia.

Prótese Peniana Inflável

A prótese peniana inflável é um dispositivo cirúrgico que possibilita um homem impotente ter uma ereção, através da transferência de fluido de uma parte do implante para outra. A prótese inflável é formada por três componentes: cilindros, bomba e reservatório. Todos os componentes são implantados e não podem ser vistos fora do corpo.
Os cilindros da prótese ficam um de cada lado do pênis. Sua colocação é feita sem a necessidade de retirada de tecido. Quando são preenchidos com fluido eles expandem e enchem o pênis, gerando uma ereção fisiológica. Os cilindros não alteram a sensibilidade do pênis e permitem que o paciente continue tendo ejaculação. A cabeça do pênis também continua se enchendo de sangue (em casos em que isso já ocorria antes da cirurgia). O líquido necessário para encher os cilindros e gerar ereção fica guardado no reservatório, que é implantado no interior do abdome do paciente. A transferência do líquido é feita através do acionamento da bomba, que fica na bolsa escrotal.
A prótese peniana vai fornecer para o paciente uma ereção pelo tempo que for desejado, não sendo interrompida pelo orgasmo. Quando for do desejo do paciente a prótese pode ser desinflada, através da compressão de um “botão” que fica na parte superior da bomba, juntamente com a compressão do pênis. Esta manobra faz com que o fluido retorne para o reservatório.
A implantação da prótese pode ser feita por uma única incisão na bolsa escrotal. O retorno para a atividade sexual se dá em torno de 6 semanas.

Veja neste vídeo como funciona a prótese peniana inflável

Prótese Peniana Semirrígida

A prótese peniana semirrígida é um dispositivo implantado cirurgicamente que possibilita um homem impotente ter uma ereção. Ele é composto por 2 cilindros que estão constantemente duros, porém apresentam maleabilidade, isto é, podem ser dobrados. Todos os componentes são implantados e geralmente não podem ser vistos fora do corpo.
Estes cilindros ocupam o espaço que antes era preenchido pelo sangue, durante a ereção. Eles não alteram a sensibilidade do pênis e permitem que o paciente continue tendo ejaculação. A cabeça do pênis também continua se enchendo de sangue (em casos que isso ocorria antes da cirurgia).
Quando for do desejo do paciente, o pênis com a prótese pode ser “dobrada” para o lado ou outra direção que o deixe menos aparente. A vantagem desta prótese é que não é necessário a colocação de uma bomba nem reservatório de líquido para funcionar, sendo mais fácil o seu uso. A chance de defeito mecânico também é menor. A desvantagem é a presença de uma “ereção” menos fisiológica e de forma contínua, embora se possa dobrar o pênis.
Sua colocação é realizada através de uma incisão na bolsa escrotal. Depois que a ferida cicatriza ela passa a ser pouco perceptível.

Veja o vídeo e entenda como funciona a prótese peniana semirrígida

Aumento Peniano

ganho real de tamanho

Os pacientes com indicação de implante de prótese peniana que tiveram perda do comprimento genital como: Após uma prostatectomia radical (cirurgia para tratar câncer de próstata); após ser acometido pela doença de Peyronie (curvatura peniana adquirida) ou após uma radioterapia pélvica (para tratamento de câncer), podem optar por um procedimento de aumento peniano, no momento da inserção da prótese. Em média o ganho de comprimento é de 3cm. O fator limitante para o aumento peniano é o comprimento do feixe vasculo nervoso ( conjunto de nervos e vasos que ficam na parte superior do pênis) que conecta a glande (cabeça) à base do pênis.
Este procedimento não necessita a colocação de enxertos. O Dr. Alexandre Miranda tem vasta experiência com estas cirurgias reconstrutoras com reestabelecimento do calibre e comprimento e vem estudando novas formas mais seguras de realizar este procedimento. 

 

Dr. Alexandre Miranda realiza implante de prótese peniana com correção de curvatura no HC-FMUSP

Dr. Alexandre Miranda ministrou curso na USP com implante de prótese peniana inflável e correção de curvatura.

Dr. Alexandre Miranda apresentando sua nova técnica no XXXVII Congresso Brasileiro de Urologia 2019

Dr. Alexandre Miranda apresentou sua nova técnica de aumento peniano realizada durante o implate da prótese. O procediento é mais rápido do que os convencionais com excelentes resultados, porém mais estudos ainda precisam ser finalizados para sua ampla utilização.

Exemplo de como funciona uma prótese inflável.

Revista VEJA

Leia e entrevista do Dr. Alexandre Miranda para a revista VEJA

Quer Ajuda? Fale aqui