+55 (21) 3183-7395 / WhatsApp +55 (21) 99926-0236 / +55 (11) 99982-9998

Reposição Hormonal Masculina

Assista a entrevista do Dr. Alexandre Miranda sobre a deficiência de testosterona no envelhecimento masculino, exibida no programa Ligado em Saúde – Canal Saúde, Fiocruz.
A reposição hormonal será necessária em pacientes que apresentem hipogonadismo. Este se caracteriza por uma condição clínica em que baixos níveis de testosterona são encontrados associados a sinais e sintomas específicos. Quando o hipogonadismo ocorre em homens idosos, a condição é geralmente chamada de andropausa ou hipogonadismo de início tardio, também referida pela sigla em inglês LOH (Late Onset Hypogodadism). Estima-se que o hipogonadismo afete 6% da população masculina aos 40 anos e 12,3% aos 69 anos.
Somente nos Estados Unidos da América temos aproximadamente 2.4 milhões de pessoas afetadas.
O diagnóstico se dá quando temos valores baixos de testosterona no sangue com sinais e sintomas associados, sendo eles os seguintes:
Fadiga/Fraqueza
Redução da Libido
Redução da “energia”
Disfunção sexual erétil (problema de ereção)
Redução da massa muscular
Osteoporose
Aumento da gordura abdominal
Perda cognitiva (esquecimento, raciocínio lento)
Insônia
A reposição hormonal proporciona a melhoria e reversão de todos os sintomas associados. Porém deve ser acompanhada com visitas regulares ao seu urologista.
Algumas alterações podem surgir com o uso contínuo da testosterona e precisam ser continuamente monitoradas.
Quer Ajuda? Fale aqui